Manifestantes interrompem sessão da Câmara de Bebedouro

Grupo de 50 estudantes protestou por ética na política


/

Miguel Quessada / Divulgação
Manifestantes foram a Câmara cantar Hino Nacional (Foto: Miguel Quessada / Divulgação)

Pelo menos 50 estudantes protestaram no início da noite desta segunda-feira (17), em Bebedouro, em solidariedade aos manifestantes de São Paulo, que desde a semana passada fazem protesto contra o aumento na tarifa do transporte público.

O movimento foi convocado pelas redes sociais. Ele começou em frente à prefeitura, percorreu as ruas do Centro e terminou com a entrada na Câmara Municipal, onde a sessão foi interrompida.

Após protestarem com cartazes pedindo liberdade de expressão e ética na política, os manifestantes cantaram o Hino Nacional.

A manifestação foi acompanhada pelos vereadores, que só se pronunciaram depois da saída dos estudantes do plenário.

Miguel Quessada / Divulgação
Manifestantes se concentraram em frente ao prédio do Legislativo (Foto: Miguel Quessada / Divulgação)

Segundo Daniel Caseri, um dos organizadores do movimento, a ideia nasceu de grupo de estudantes que ficaram indignados com a repressão que sofreu a passeata na sexta-feira, em São Paulo. O grupo pretende organizar uma nova manifestação para esta terça-feira (18), ainda não confirmada.

Ribeirão e Sertãozinho

Em Ribeirão Preto, um movimento promete um protesto para quinta-feira (20), às 17, na Esplanada do Theatro Pedro II. No mesmo dia, em Sertãozinho, a manifestação será às 19h, na Praça 21 de Abril. (Colaborou Marco Antônio dos Santos)


0

Saiba mais