Taxistas pressionam Câmara de Ribeirão para regulamentar aplicativos

Suposto áudio do vereador Fabiano Guimarães (DEM) dizendo que o táxi vai acabar causou confusão

    • ACidadeON/Ribeirao
    • Marcelo Fontes

Taxistas compareceram à sessão da Câmara de Ribeirão Preto nesta terça-feira (3) para protestar pela retirada de pauta do projeto que regulamenta os aplicativos de transporte individual.

O principal alvo foi o vereador Fabiano Guimarães (DEM). Os taxistas têm um áudio onde o parlamentar diz que os táxis vão acabar em 2 anos. Houve confusão e a sessão precisou ser suspensa. "Esse vereador disse que estamos brigando à toa, que o táxi vai acabar", disse o taxista Darcio Carvalho.

"Hoje seria votada a regulamentação dos aplicativos. Mas disseram que o projeto foi retirado da pauta. Falamos na prefeitura e informaram que foi atendido pedido dos vereadores", completou o taxista.

Outro lado

O vereador Fabiano Guimarães alega que "da forma como o mercado de táxi está organizado hoje, não há como competir com os aplicativos".

"Sou honesto e franco, pra ninguém perder seu tempo com politicagem. O caminho não é regulamentar o Uber para comparar este mercado com o de taxis. Seria como querer regulamentar a lâmpada elétrica para garantir concorrência com a luz de vela", disse Fabiano.

"O mais inteligente e honesto por parte do governo seria desonerar os taxistas, ao invés de buscar onerar o Uber e demais aplicativos tornando-os mais caros para a população", finalizou o vereador.


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.