ASSISTA: Vídeo mostra agressão de vereador a assessor na Câmara

Cesinha (PMDB) teria se irritado com declaração de Lúcio da Rádio (PR) e partiu para cima de assessor que filmava discussão

    • ACidadeON/Ribeirao
    • Da reportagem

 Uma discussão entre  dois parlamentares da Câmara de Sertãozinho, nesta segunda-feira (4), acabou com a agressão do vereador Cesinha (PMDB)  contra o assessor Michael Richard de Jesus Pedro. A agressão foi filmada pela própria vítima, 

A discussão teria sido motivada após o vereador Lúcio da Rádio (PR), para quem Michel presta serviço, afirmar que Cesinha queria colocar  os mototaxistas da cidade contra ele. A declaração se referia a uma reunião que tratou da regulamentação do serviço de mototaxista na cidade.    
 
Vendo que Cesinha estava exaltado e propenso a ofender e até agredir os colegas, Michel passou a filmá-lo. Ao perceber que a câmera do celular estava ligada, Cesinha partiu para cima do assessor e chegou a jogar o celular no chão. 

Ofendido  

A presidente da Câmara, Pastora Márcia (PSDB), precisou solicitar a presença da Guarda Civil Municipal no plenário.  O vereador Cesinha disse à EPTV que se sentiu ofendido pelo vereador Lúcio.  

"Eu já tinha até levantado para ir embora. Ele falou que eu não fiquei na reunião dos tuc-tucs porque eu fiquei com medo. Foi onde eu fique chateado, me senti ofendido, me dirigi à minha mesa para explicar que isso não ocorreu. Eu jamais, nem como vereador, como homem mesmo, não vou admitir que um assessor do vereador venha perto da minha cara e coloca um celular para poder estar me gravando", disse Cesinha.  

Já o vereador Lúcio da Rádio afirmou que Cesinha queria colocar a categoria dos mototaxistas contra ele.  "Como ele viu que não conseguiu, ele se ausentou. Ele deveria ficar até o final", disse Lúcio.   

Quebra de decoro

O assessor Michael Richard de Jesus Pedro declarou que vai entrar com pedido de quebra de decoro parlamentar contra o vereador Cesinha. "Ele não queria me agredir, mas eu acho que fui um alvo fácil, onde ele pôde descontar a sua raiva. Mas, eu estou muito triste. 

E, como funcionário da Câmara há 12 anos, eu nunca vi algo do tipo acontecendo", desabafou.    

Comissão de Ética

A presidente da Câmara disse, por meio de nota de imprensa, que repudia as atitudes dos vereadores Cesinha e Lúcio da Rádio e que caberá à Comissão de Ética apurar as responsabilidades de cada um.


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.