Advogada afirma que vai recorrer da prisão de Dárcy Vera

Maria Cláudia Seixas estava com ex-prefeita quando Polícia Federal foi prendê-la na casa dela, na Ribeirânia

    • ACidadeON/Ribeirao
    • Da reportagem
Weber Sian / A Cidade
Dárcy Vera detida na sede da Polícia Federal em Ribeirão Preto; veja fiotos na galeria (foto: Weber Sian / A Cidade)

 

A advogada da ex-prefeita Dárcy Vera, Maria Claudia Seixas, confirmou que vai entrar com um recurso no STF (Supremo Tribunal Federal) para tirar Dárcy da cadeia.

LEIA TAMBÉM

Confira galeria de fotos das prisões desta sexta-feira (19)

Ex-prefeita Dárcy Vera é presa pela segunda vez em Ribeirão Preto

Davi Cury é o primeiro a se apresentar à Polícia Federal

Luchesi é considerado foragido pela Polícia Federal

Promotor quer encerrar caso até o final do ano

A ex-chefe do Executivo de Ribeirão Preto teve o habeas corpus que a mantinha fora da cadeia cassado nesta quinta-feira (18) pela Justiça. Nesta sexta-feira (19), Dárcy foi presa pela Polícia Federal (PF) pela segunda vez.

A advogada estava com Dárcy Vera logo pela manhã, às 5h53, quando agentes foram à casa da ex-prefeita levá-la à sede da PF. Na saída, limitou-se a dizer que "a decisão foi cumprida" e que não faria juízo de valor sobre a prisão.

Cláudia Seixas avisa que, assim que for publicada a decisão judicial que revogou a liberdade de Dárcy Vera, ela entrará com o recurso para tentar tirar a ex-prefeita da cadeia. (Com Lucas Catanho)
 


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.