Dárcy já pode receber visita íntima em Tremembé

Visitante deve declarar vínculo por meio de certidão de casamento ou declaração de união estável

    • ACidadeON/Ribeirao
    • Wesley Alcântara

F.L.Piton / A Cidade - 29.nov.2012

 

A ex-prefeita Dárcy Vera já tem direito de pleitear mais um benefício na Penitenciária de Tremembé: a de receber visita íntima. Dárcy está presa pela segunda vez no presídio em decorrência de seu envolvimento no maior esquema de corrupção deflagrado pela Operação Sevandija em Ribeirão Preto.

A informação sobre o direito de Dárcy receber visita para manter relações sexuais foi confirmada pela SAP (Secretaria de Administração Penitenciária).

Por meio de nota oficial, a secretaria afirmou que a ex-prefeita pode pleitear o benefício porque está está previsto no Regimento Interno Padrão das Unidades Prisionais do Estado de São Paulo.

Regras impostas

No entanto, o visitante da ex-prefeita terá de cumprir alguns critérios. “Deve cadastrar-se no rol de visitas da pessoa presa, comprovando o vínculo por meio de certidão de casamento ou declaração de união estável com o visitado, por escrito, assinada por duas testemunhas e reconhecida em cartório, além de apresentar demais documentos de identificação (RG, CPF, comprovante de residência, certificação de antecedentes criminais)”, informou a SAP.

A secretaria esclareceu, ainda, que a inclusão do visitante de Dárcy depende de autorização pela área de segurança e disciplina. “A concessão de visita íntima fica ainda subordinada à apresentação de atestado de aptidão, do ponto de vista de saúde, por meio de exames laboratoriais e à submissão de exames periódicos, a critério das respectivas unidades prisionais”, esclareceu.

ACidade ON apurou que Dárcy, quando foi presa, não estava namorando. Ela havia se separado do empresário Mandrison Almeida antes mesmo do estouro da Sevandija.

No início deste mês, ACidade ON publicou, com exclusividade, que a ex-prefeita estava liberada para mandar e enviar cargas para amigos e parentes.


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.