Política


| Da Redação CBN Ribeirão

Justiça condena Antônio Palocci por improbidade quando era Prefeito de Ribeirão

Ex-ministro foi acusado de abrir créditos de R$ 23,9 milhões sem espaço em caixa e de mascarar déficit do orçamento em 2002

A Justiça condenou o ex-ministro da Fazendo Antônio Palocci Filho por atos de improbidade administrativos quando o político era Prefeito em Ribeirão Preto. Os crimes teriam sido cometidos em 2002. 

Entre as acusações estão indícios de que o ex-ministro teria aberto créditos de R$ 23,9 milhões sem disponibilidade de caixa e de mascarar déficit do orçamento em 2002. A Condenação prevê perda dos direitos políticos e ressarcimento aos cofres municipais. 

Antônio Palocci foi Prefeito de Ribeirão Preto em duas oportunidades