cotidiano


| Da Redação CBN Ribeirão

Médico afirma que uso do plasma no tratamento da Covid-19 não teve efeito colateral

Pesquisa é feita pelo Hospital da Clínicas de Ribeirão Preto; paciente de Serrana é a primeira a ter alta

O hematologista e professor da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP (Universidade de São Paulo) , Rodrigo Calado, em entrevista ao CBN Especial Coronavírus desta quarta-feira (27), afirmou que o uso do plasma no tratamento da Covid-19 de uma paciente, em Serrana, não teve efeito colateral.

A Aparecida Lourdes de Oliveira Ferreira Lima, de 65 anos, estava internada com a confirmação da covid-19, em estado grave, desde o dia 15 de abril. Ela foi a primeira pessoa a ser testada pelo HC (Hospital das Clínicas) de Ribeirão Preto.

O material, colhido no Hemocentro de Ribeirão Preto, centro de referência em hemoterapia no estado de São Paulo, é usado em testes experimentais feitos pelo HC para tratar doentes em estado grave.   

Professor da Faculdade de Medicina da USP de Ribeirão Preto, Rodrigo Calado (Crédito: Jornal da USP)


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da CBN Ribeirão Preto. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. CBN Ribeirão Preto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook