cotidiano


| Da Redação CBN Ribeirão

Gaeco não descarta novas buscas e apreensões na Operação Mercúrio

Três pessoas foram presas em Franca; alvo é quadrilha especializada em roubo e receptação de cargas, além de lavagem de dinheiro

Em entrevista coletiva, o Gaeco, grupo do Ministério Público, não descartou realizar novas buscas e apreensões na Operação Mercúrio.  

A primeira fase aconteceu nessa quarta-feira (30), em 11 estados, e teve desdobramentos na região.  

Em Franca, três pessoas foram presas. Eles são suspeitos de fazer parte de uma quadrilha especializa em roubo e receptações de caminhões e cargas, além de lavagem de dinheiro.  

A pedido do Ministério Público, a Justiça bloqueou R$ 40 milhões dos envolvidos e 200 veículos.  

O advogado dos três investigados em Franca disse que eles não têm participação no esquema e que o MP só chegou até eles por conta de notas relacionadas à compra de materiais de construção em nome da rede de postos que eles são donos.  

A defesa já entrou com pedido de Habeas Corpus. 

Operação Mercúrio foi deflagrada em 11 estados (Divulgação Gaeco)