cotidiano


| Da Redação CBN Ribeirão

Médica boliviana é assassinada em frente a posto de saúde em Bebedouro

Suhelen Calderon Cortez, de 30 anos, saía da unidade Doutor Ricardo Dias Toledo, quando foi atingida por ao menos seis tiros

Uma médica boliviana, de 30 anos, foi assassinada com pelo menos tiros em frente a uma unidade de saúde em Bebedouro. O crime aconteceu na tarde desta quarta-feira (28), no bairro Vila Sanderson. Ninguém foi preso.  

A vítima, Suhelen Calderon Cortez, fazia estágio na unidade de saúde Doutor Ricardo Dias Toledo, como preparação para o Revalida, prova do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) para validação no Brasil do diploma de médicos formados em universidades no exterior. 

De acordo com informações da Polícia Militar, a mulher estava na calçada, em frente ao hospital, por volta das 16h10, quando um homem, que dirigia um carro branco, passou atirando. Ao menos 15 projéteis foram encontrados no local, sendo que seis atingiram a vítima. 

A mulher foi socorrida e levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu aos ferimentos.