cotidiano


| ACidadeON/Ribeirao

Polícia Civil investiga estupro contra bebê de 1 ano

Menina foi atendida no HC de Ribeirão Preto após apresentar sangramento vaginal; médicos constataram ruptura do hímen


BFoto: Divulgação/ Pixabay

A DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) vai instaurar inquérito para investigar a suspeita de estupro contra uma criança de apenas 1 ano e 11 meses, moradora no Jardim Progresso, zona Oeste de Ribeirão Preto.  

A denúncia foi registrada pelo pai da menina após médicos da Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas constatarem que o sangramento vaginal da criança fora causado pela ruptura do hímen.  

O sangramento foi descoberto pela mãe ao trocar a fralda da criança na tarde de segunda-feira. A mulher ligou para o marido, que a orientou a levar a criança na UBDS (Unidade Básica Distrital de Saúde) da Vila Virgínia.  

Lá, os médicos encaminharam a criança para a Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas, onde a equipe médica constatou que o sangramento era decorrente da ruptura do hímen da criança. O pai foi então orientado a se dirigir à CPJ (Central de Polícia Judiciária) para registro da denúncia de estupro.  

Segundo o boletim de ocorrência, o declarante disse estar surpreso com o caso, pois em sua casa moram apenas ele, a mulher e filha. Segundo ele, a criança fica com uma prima de 40 anos enquanto os pais trabalham.

Dores e Vômito

Segundo o Boletim de Ocorrência, os pais da vítima promoveram um churrasco na quarta-feira passada (7), onde a criança comeu alguns pedaços de carne. Em seguida, começou a vomitar e foi medicada por um farmacêutico do bairro a menina teria voltado a brincar, mas passou a reclamar de dores ao fazer xixi.

Ao ACidade ON, a delegada responsável pela unidade, Luciana Ruivo, disse que o BO ainda não foi entregue a ela, mas é de praxe que um inquérito policial seja instaurado para investigação.  

A reportagem contatou o Hospital das Clínicas para saber do estado de saúde da criança, mas até a publicação desta reportagem não obteve retorno.  

Menina de 4 anos   

Nesta segunda-feira (12), o Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto também atendeu o caso de uma criança de 4 anos com lesões na parte interna da vagina, com suspeitas de estupro.   À  mãe, no entanto, contestou a violência sexual. Na versão dela, a menina brincava com a irmã no quintal de casa e caiu em cima de um pedaço de pau, o que teria causado os ferimentos.  

LEIA MAIS : 

Criança de 4 anos é internada com indícios de abuso sexual


Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da CBN Ribeirão Preto. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. CBN Ribeirão Preto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários

Veja também