cotidiano


| Jornal A Cidade

Cresce mercado de espaços para guardar móveis e bens

Valor do aluguel mensal depende da metragem; custa a partir de R$ 80

F.L. Piton / A Cidade
Estrutura da Guarde Aqui, no bairro Parque Cândido Portinari: aluguel de box a partir de R$ 80 (Foto: F.L. Piton / A Cidade)

Quem já teve de mudar para um imóvel menor, realizar uma reforma demorada ou lidar com a falta de espaço em casa, sabe que não é fácil achar um lugar para guardar os móveis ou objetos pessoais.

Para resolver esse problema, o mercado de self storage, ou autoarmazenagem, mostra forte potencial de crescimento no Brasil, e Ribeirão Preto já conta com duas empresas que oferecem o serviço: Guarde Aqui e Estoque Aqui. A locação mensal dos boxes varia de R$ 80 a R$ 20 mil, dependendo da metragem.

O advogado Paulo Elias Sá conheceu o serviço nos EUA e quando descobriu que a ideia havia chegado ao Brasil, tratou logo de ir atrás de um box. “Uso para guardar documentos e arquivos de clientes”, diz.

Pelo serviço, o advogado paga a quantia de R$ 400 por mês. “O box tem o tamanho de uma sala comercial, mas pago bem menos do que o aluguel de uma. Sem contar que não tenho encargos extras como condomínio, água e luz”, afirma. “Há diversos protocolos de segurança, travas magnéticas que só abrem com a senha, monitoramento de câmeras.”

Quem contrata o serviço de self storage é cadastrado para poder entrar no local e é o único que tem acesso ao box, no qual pode guardar qualquer outro objeto que não seja perecível, tóxico ou inflamável.

Metro quadrado a R$ 40

Na Guarde Aqui, os clientes encontram espaços a partir de 2m², podendo chegar até a 500m². Segundo a empresa, os boxes mais procurados pelas pessoas físicas estão entre 2m² e 20m². Já os clientes empresariais buscam espaços acima de 20m².

Os preços variam de acordo com o tamanho dos boxes e com a negociação do contrato de locação, podendo ter descontos por um prazo maior e quantidade de metragem alugada. Mas, na média, o preço pelo metro quadrado na Guarde Aqui fica em torno de R$ 40.

Na Estoque Aqui os boxes custam de R$ 180 a R$ 800 por mês, sendo o menor box de 7m³ e o maior de 45m³.

Pádua explica que a capacidade física de um box de 7m³ é a mobília completa de um apartamento de um dormitório com aproximadamente 70m². “Já no de 45m³ cabe a mobília completa de uma casa grande, ou um caminhão baú, ou pode ser usado também como garagem de barco”, diz.

No mercado de self storage os contratos são mensais, flexíveis e sem burocracia, podendo ser encerrados ou renovados a qualquer momento.

Pessoa física lidera a clientela em até 70%

Segundo Allan Paiotti, CEO do Guarde Aqui, a unidade ribeirão-pretana é muito procurada por famílias que querem guardar seus pertences. “Ou que, durante um período, como em casos de reforma, procuram a comodidade e segurança do espaço.”

Jorge Luiz de Pádua, supervisor da Estoque Aqui, afirma que a maior procura é por pessoas físicas. “Cerca de 60% a 70% da ocupação”. Segundo ele, a empresa conta com 70 boxes, sendo que 50% deles já estão ocupados.

Mas, muitas empresas também procuram pelo serviço. “Os clientes empresariais usam as instalações para armazenar produtos e insumos, aumentando a produtividade logística e de operação”, conta Paiotti.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da CBN Ribeirão Preto. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. CBN Ribeirão Preto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários

Veja também