cotidiano


| Da Redação CBN Ribeirão

Em cada casa de Ribeirão três recipientes podem servir de criadouro para o Aedes Aegypti

Levantamento inédito é da Secretária de Estado da Saúde

Em cada casa de Ribeirão Preto e das cidades da região, são encontrados, em média, três recipientes com potencial para desenvolvimento do mosquito Aedes Aegypit. 

O levantamento foi feito pela Secretária Estadual de Saúde e analisou recipientes como pneus, vasos, pratos de plantas, sucatas, caixa d'água, calhas, plantas e até bebedouro de animais.  

Isso foi feito como ajuda para rastrear o quão próximo as cidades estão de uma epidemia de dengue e outras doenças e quais são as ações possíveis no combate.  


 

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da CBN Ribeirão Preto. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. CBN Ribeirão Preto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook