cotidiano


| Da Redação CBN Ribeirão

Ribeirão Preto e Franca registram aumento no número de motoristas autuados por embriaguez

Juntas as cidades somam 2503 infrações em 2018

O número de motoristas multados pela Lei Seca aumentou nos últimos anos em Ribeirão Preto e Franca. Aproximadamente 2.300 pessoas ficaram sem habilitação depois do flagrante.

No ano de 2017, em Ribeirão Preto, 771 motoristas pagaram multas e tiveram a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) desabilitada. Em 2018, 931 pessoas estavam alcoolizadas quando foram paradas pela polícia, uma média aproximada de três por dia.

Em Franca, as estatísticas são piores. No ano passado, cerca de 1572 motoristas foram multados e ficaram sem a CNH por dirigirem bêbados, média de quatro pessoas a cada 24 horas.

Quem for flagrado dirigindo depois de ingerir álcool deverá pagar multa, terá a habilitação suspensa por 12 meses e só volta a dirigir depois do processo de reciclagem.  

Exame do bafômetro