cotidiano


| Da Redação CBN Ribeirão

Ribeirão-pretano é condenado a prestar serviços comunitários por comentários racistas na internet

Internauta teria postado no Facebook que 'negros no geral são desprovidos de inteligência'; ele alega que mensagem foi irônica

Um internauta de Ribeirão Preto foi condenado a prestar 720 horas de serviços comunitários por conta de um comentário racista no Facebook.

Em dezembro de 2017, ele postou o seguinte comentário na página "Pense, é grátis": "Por exemplo negros no geral são desprovidos de inteligência, mas tendem a ser mais fortes, os brancos por outro lado mais fracos porém mais inteligentes e isso é o resultado da adaptação genética, impossível não perceber q existe sim diferença entre os povos, mas insistem em dizer que não"

Ele foi denunciado pelo Ministério Público Federal. Na pena original, o internauta foi condenado a dois anos de prisão. Depois, a sentença foi substituída por trabalhos comunitários.

No julgamento, o autor disse que estava sendo irônico e falou que o processo usou mensagens tiradas do contexto.

Segundo ele, os trechos que comprovam essa ironia não foram colocados na sentença. O internauta ainda disse que tem amigos e familiares negros e que tem respeito pro essas pessoas.

Mas, para a 7ª Vara Federal de Ribeirão Preto, as justificativas não foram aceitas. A CBN não localizou a defesa do internauta para comentar o caso. 

Internauta fez comentários racistas em uma página no Facebook