cotidiano


| Da Redação CBN Ribeirão

Companhias aéreas querem reverter determinação que reduz funcionamento dos aeroportos

Terminais que são administrados pelo Daesp deixaram de funcionar 24 horas por dia; mudança passa a valer dia 1º

As companhias aéreas que atuam na região de Ribeirão Preto estão tentando reverter a decisão do Daesp que pretende reduzir os horários de funcionamento dos aeroportos de sua concessão. 

Segundo o Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo, a medida entra em vigor no dia 1º de maio e tem como objetivo diminuir os custos, já que poucos vôos operam durante a madrugada nas cidades do interior.  

Os aeroportos de Franca, Araraquara, São Calos e o Leite Lopes em Ribeirão Preto serão afetados caso a decisão seja mantida.  

As pistas de São José do Rio Preto, Araçatuba, Marília, Presidente Prudente, Andradina e Assis também devem sofrer alterações.  

O DAESP ainda informou que fez um acordo com as empresas aéreas para aumentar os vôos semanais para o interior.  

A Associação Brasileira de Empresas Aéreas (ABEAR) também confirmou que está tentando reverter a situação. 

Aeroporto Leite Lopes deve ter o horário de funcionamento alterado a partir de 1º de maio (Foto: Matheus Urenha/Arquivo A Cidade)