cotidiano


| Da Redação CBN Ribeirão

Prefeitura confirma que clube de tiro estava regularizado

Prédio, que também funciona como loja de artigos de pesca e caça, sofreu um incêndio precedido de uma explosão

Diretor da Fiscalização Geral de Ribeirão Preto diz que estrutura do prédio entrou um colapso total (Foto: Weber Sian/ACidade)

Os documentos do clube de tiro que pegou fogo na manhã desta sexta-feira (15), estavam regularizados. A informação foi confirmada pela Prefeitura à reportagem da CBN Ribeirão.  

Segundo o Corpo de Bombeiros, as chamas atingiram o estande de tiros que fica nos fundos do estabelecimento.  

Uma mulher, que mora nas proximidades do local, e um eletricista que estava trabalhando em uma obra dentro do clube, ficaram feridos.  

- Não tem como afirmar as causas. A gente sabe que tem um principio de incêndio e causou o colapso na estrutura. No momento em que o bombeiro chegou, os funcionários nos informaram que havia obras no local, porém não podemos afirmar que isso está atrelado ao inicio das chamas - explicou o Capitão do Corpo de Bombeiros, Carlos Castilho.  

A Prefeitura informou que o estabelecimento estava com os alvarás em dia, mas para realizar a obra, o estabelecimento precisava de outra autorização. 

- Existem dois alvarás, um é o da construção, que eles tem. Se eles estão fazendo uma obra, é necessários que eles emitem um novo alvará, isso eu não sei se eles possuem porque não é de minha competência. Os documentos estão todos em dia. Eu conversei com o Tenente do Exercito e o Capitão do Corpo de Bombeiros e eles me garantiram que tudo está em dia - afirmou o chefe da Fiscalização Geral, Antônio Carlos Muniz.  

A Transerp informou que o trânsito já foi liberado para veículos na avenida. A Polícia Civil vai investigar as causas do incêndio.