Vereadores de Ribeirão Preto gastam R$ 8.718 em ida para Brasília

Parlamentar que mais gastou foi Maurício Gasparini (PSDB), que dormiu na capital federal e levou assessor

    • ACidadeON/Ribeirao
    • Marcelo Fontes
F.L.Piton / A Cidade
Parlamentar que mais gastou foi Maurício Gasparini (PSDB), que dormiu na capital federal e levou assessor (Foto: F.L.Piton / A Cidade)

 

Os quatro parlamentares de Ribeirão Preto que foram à Brasília por conta da Câmara no final de agosto gastaram R$ 8.718. Só o vereador Maurício Gasparini (PSDB) gastou metade deste valor, R$ 4.383. A comitiva esteve na capital federal durante a assinatura da liberação de R$ 88 milhões para o Aeroporto Leite Lopes.

VEJA GALERIA DE FOTOS DA ASSINATURA

Gasparini dormiu na capital federal e foi acompanhado de assessor. “Resolvi ir um dia antes para não correr risco de perder o evento, já que foi um marco para Ribeirão Preto. Também sempre levo assessor quando estou em agenda oficial”, justificou o vereador tucano.

Outros três vereadores também foram com recursos do Legislativo. Alessandro Maraca (PMDB) gastou R$ 1.608 e também dormiu em Brasília. “Fui um dia antes porque tinha agenda no Congresso e nos Ministérios. Além disso, sou presidente da comissão da Câmara que acompanha o aeroporto”, disse Maraca.

Já o presidente da Câmara, Rodrigo Simões (PDT), quee gastou R$ 1.495, e Marinho Sampaio (PMDB), que utilizou R$ 1.231, foram no esquema ‘bate e volta’.

Igor Oliveira (PMDB) também foi de avião, mas pagou a viagem com recursos próprios. Lincoln Fernandes (PDT) foi com o carro oficial da Câmara, mas arcou com todos os gastos.

Dinheiro

No dia 24 de agosto, em Brasília, o presidente Michel Temer (PMDB) e o governador Geraldo Alckmin (PSDB), assinaram a liberação de R$ 88 milhões para o Leite Lopes. São R$ 79,2 milhões do governo federal e R$ 8,8 milhões do estado. A cerimonia também foi acompanhada pelo prefeito Duarte Nogueira (PSDB).


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.