Museu Casa de Portinari lança Programa de Parceiros

Agora qualquer cidadão pode se tornar um colaborador de suas ações culturais

    • ACidadeON/Ribeirao
    • Valeska Mateus
Renato Lopes / Especial
Museu Casa de Portinari lançou Programa de Parceiros; veja mais fotos na galeria (foto: Renato Lopes / Especial)

 

São 47 anos contando a história e revelando ao mundo o trabalho e as obras de um dos maiores artistas brasileiros: Candido Portinari. E para comemorar a data e garantir a ampliação de seus projetos, o Museu Casa de Portinari, em Brodowski, lançou ontem o Programa de Parceiros.

A partir do programa, qualquer cidadão poderá de tornar um parceiro amigo do museu, fazendo doações ou mesmo oferecendo serviços. Abrir espaços às pessoas que desejam se engajar em uma causa cultural, e ampliar as possibilidades de criar receita e garantir a sustentabilidade por mais 40, 50 anos, é o intuito do programa. 

VEJA FOTOS

Mantido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Cultura, o local recebeu no ano passado 30.795 visitantes de diversas nacionalidades. A diretora do Museu Casa de Portinari, Angelica Fabbri, afirma que é uma tendência e hoje está na pauta de todas as instituições, buscar a sustentabilidade institucional devido ao cenário econômico.  “Temos de criar condições de complementação de receita, de ampliação de atividades e escolhemos uma forma de trazer uma rede de pessoas que apoiam e valorizam o trabalho feito”, declara a diretora.

Em 2016, mais de 13.200 estudantes foram atendidos nas oficinas educativas da Casa de Portinari e mais de 50 mil pessoas participaram de oficinas e cursos promovidos pelo museu. Angelica ressalta que além de fortalecer e legitimar ainda mais a Casa de Portinari, essas parceiras e a verba arrecadada com elas será destinada a criar novos projetos e atividades educativas, que vão além do custeio do governo estadual. Que ultrapasse os limites de preservar a memória do artista e difundir seu legado. “Temos a intenção de fazer um livro da instituição, propor novas atividades educativas, ampliar nosso compromisso do fazer artístico, como exercitar talentos e descobrir vocações”, cita.

Rede de parceiros

A ideia é criar uma rede, segundo Angelica em que cada um pode se tornar um parceiro. Começando pela comunidade local, reforçando assim o elo do artista com a cidade. “Desde estudantes que apreciam arte, podem participar com R$ 50 anuais em 12 parcelas, a empresas sem limite de valor ou mesmo que participem com a contribuição de serviços”, detalha a diretora do museu.

Rede que já se iniciou, com a adesão de empresas como a Unisol, de Brodowski. “Com a parceria vamos associar a nossa marca a Portinari e colaborar com as crianças, que são estimuladas nos projetos. Se apenas uma delas se tornar um artista, já terá valido a pena”, declara o diretor Euclides Mininel.

Outro que já se tornou parceiro foi o RibeirãoShopping. “Faz parte da nossa filosofia da apoiar a cultura da nossa região, seja por meio de eventos e exposições ou por meio de apoios e patrocínios a projetos de valor cultural”, afirma o gerente de marketing Marcos Botelho.

Serviço

Museu Casa de Portinari

Mais informações sobre o Programa de Parceiros pelo site museucasadeportinari.org.br 

 


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.