Ribeirão Preto registra alta nos combustíveis

A boa notícia é que ainda é possível encontrar etanol abaixo de R$ 2 na cidade

    • ACidadeON/Ribeirao
    • Gabriela Virdes
Milena Aurea / A Cidade
Etanol ainda era comercializado abaixo dos R$2 na avenida Francisco Junqueira (foto: Milena Aurea / A Cidade)

 

O consumidor levou um susto ao encher o tanque na manhã desta quinta-feira (5), em Ribeirão Preto. O etanol, que custava em média R$ 1,99 o litro, saltou para R$ 2,49; já a gasolina, que custava em média R$ 3,49 o litro, subiu para R$ 3,99.

Ontem (4), a Petrobras anunciou novo aumento da gasolina de 3,3%. Com isso, o combustível passou a acumular alta de mais de 10% em apenas cinco dias no mês de setembro. Já no caso do diesel, a alta acumulada chega a 5,3%.

A boa notícia é que, ainda hoje, os motoristas podem encontrar os combustíveis com os antigos valores. Só na Avenida Francisco Junqueira há, pelo menos, três postos com o etanol abaixo de R$ 2. O único problema é que para encher o tanque, o consumidor deverá enfrentar fila de cerca de 30 minutos, devido a grande procura.

Motivos

Segundo a Petrobras, a política de preços da estatal para diesel e gasolina leva em consideração, entre outros fatores, o alinhamento com as cotações internacionais dessas commodities. Além disso, ressaltou que sofreu influência após o furacão Harvey paralisar refinarias no Texas, nos Estados Unidos, e levar uma disparada nos valores de referência do combustível.
 


0 Comentário(s)

Seja o primeiro a comentar.